A Praia Grande e eu…

Às vezes me pego à lembrar do passado… da infância mais precisamente e em muitas destas vezes, a Praia Grande em S.P. é o cenário de fundo!

Lá pela metade dos anos 70 aproximadamente, meus pais adquiriram um apartamento por lá, próximo à praia e começamos a frequentar praticamente todos os finais de semana!

Obviamente tenho muitas lembranças de lá, mas uma em especial é inesquecível! Foi lá que aprendi a andar de bicicleta em uma lindíssima Caloi Formula C, exatamente igual essa da foto abaixo!

2935633277_3584af18bc-2

As ruas de terra somados ao movimento inexistente eram o lugar ideal desenvolver as atividades motoras necessárias para conseguir se equilibrar em duas rodas!

Eu passava a semana inteira contando os dias para poder ir ao litoral e me libertar com meu primeiro veículo! Aquilo era demais e hoje percebo claramente de onde vem meu amor ao motociclismo, afinal, a motocicleta nada mais é do que uma bicicleta com motor! kkk

Cruzar a Ponte Pensil era o ponto alto da viagem de carro e aquele barulho característico que as tábuas de madeira faziam quando o carro passava, anunciava que o momento de me encontrar com as duas rodas estrava próximo!

A imagem do meu pai e meu tio lutando “Justa” na frente do prédio com suas bicicletas e armados com uma vassoura são inesquecíveis… eu e toda a garotada do prédio ficávamos assistindo àquele bizarro espetáculo e torcendo obviamente para que um dos dois caísse! kkk

Brincar com um “aquaplay” que simulava um jogo de basquete, tomar um sorvete de 5 bolas na Sorveteria Paulista e ir banhar-se encostado na “cordinha” que demarcava onde não podia transpassar na praia do Forte… Muitas recordações… todas positivas.

O tempo passou e depois que meu pai vendeu o apartamento poucas vezes voltei lá.

Era hora de voltar ao passado e de moto, lógico!

O Bate e Volta foi realizado sábado (02/07/16), com direito à cruzar duas vezes a Ponte Pênsil e ir encontrar o apartamento e a Praia do Forte!

Foi realmente muito legal. Vejam o vídeo!

 

6 thoughts on “A Praia Grande e eu…”

  1. Faz bem mais de 10 anos que não volto a PG.Servi ai no Itaipu e corríamos todos os dias nesta praia.Bela Recordação.

    1. Recordar é sempre bom. Sempre que me lembro da Praia Grande as lembranças são positivas! Quando tiver um tempinho, passe por lá! Vale a pena!

  2. Que belo vídeo ! Parabens pelo resgate das memórias. Quanto a Caloi Fórmula C … Eu era louco por uma dessas. Acabei ganhando uma “The Black Tiger” , que era uma versão preta da “Tigrào” da Monark, a concorrente da Fórmula C.

    1. Boko, acabei de falar da Monark Tigrão… Um amigo tinha uma e ficávamos apostando corrida na parte de baixo do prédio… Como sempre fui meio gordinho, normalmente perdia! Kkkkk. Lembra que a Fórmula C tinha uma versão com câmbio de três marchas? Aquela era “chique” demais! A minha era a versão standard mesmo! Kkkkkk. Valeu meu amigo pelos elogios!

  3. Robertão, valeu pelo belíssimo registro em vídeo e na crônica, que certamente foi bastante resumida diante de tanta história que você tem pra contar desse lugar. Heim?

    Show de bola, amigo! Abraço!!!

    1. Valeu Ric! Lógico que muitas são as lembranças, mas além da bicicleta a imagem do meu pai e do meu tio lutando “justa” com uma vassoura é sem dúvida inesquecível… Imagina uma coisa bizarra… Kkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *